TODOS OS

ESTUDOS

Em três anos, a Science Valley já atendeu mais de 3 mil voluntários. A seguir, conheça todos os estudos que estão rodando nos nossos Centros de Pesquisa em todo o Brasil.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE O ESTUDO

A doença é definida como aumento sanguíneo de lipídios (gordura), como colesterol e triglicérides. O aumento desses lipídios, em especial o Colesterol LDL (conhecido como colesterol “ruim”) leva ao entupimento de vasos sanguíneos ao lesionar a região e se depositar nas paredes dos vasos, formando placas de ateroma e iniciando um processo chamado de aterosclerose. O aumento dessas placas nas paredes dos vasos interrompe ou dificulta o fluxo sanguíneo na região, podendo levar o indivíduo à um Infarto Agudo do Miocárdio IAM; Acidente Vascular Cerebral AVC; Doença Arterial Periférica DAP, entre outras doenças com elevado risco de levar à óbito.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE O ESTUDO

A Endometriose é uma doença que ocorre devido ao crescimento do tecido do endométrio (revestimento interno do útero) em partes externas ao útero ocasionando inflamação do local o que leva ao aparecimento de vários sintomas que impactam negativamente a qualidade de vida da mulher. É considerada uma doença benigna.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE O ESTUDO

As lombalgias são as dores que ocorrem na região lombar. É um problema extremamente comum, que afeta cerca de 80% da população. A lombalgia mecânica postural aguda, alvo desse estudo, afeta 80% da população adulta em algum momento da vida, sendo considerada a segunda causa mais comum de consultas médicas. A maioria dos casos de lombalgia estão associados à má postura.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE O ESTUDO

Estudo prospectivo e comparativo entre Rivaroxabana associada a Aspirina para pacientes com Doença Arterial Periférica e Claudicação Intermitente Limitante.

Perfil:

  • Paciente com Claudicação Intermitente;
  • Sentir dor ao caminhar;
  • Idade superior ou igual a 18 anos;
  • Paciente completamente dependente de apoios (muleta ou bengala);
  • Paciente com ou em tratamento de varizes;
  • Ter realizado cirurgia a um ano;
  • Estar em tratamento de Covid-19 ou apresentar Problema Renal Crônico (Hemodiálise).
CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE O ESTUDO

Taquicardia supraventricular paroxismal (TPSV) pode ser definido como arritimia ou ritmo cardíaco irregular. Nesse caso o batimento cardíaco irregular acelera a frequência de cada batida do coração. A sensação pode durar minutos ou horas. Na maioria dos casos, essa patologia não é fatal. Falta de ar, tontura e até sincope são alguns dos outros sintomas.
Estima-se que afeta aproximadamente 36 a cada 100.000 habitantes. Sendo mais incidente nas mulheres. Condições genéticas podem contribuir para desencadear a doença, mas outros fatores também ajudam, como: consumo excessivo de álcool, cafeína, drogas ilícitas. O diagnóstico pode ser feito através da avaliação do histórico médico junto com um eletrocardiograma.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE O ESTUDO

Fibrilação Atrial não valvar pode ser definido como: batimento cardíaco irregular ou artitmia cardíaca. Quando o batimento é rápido e irregular, denomina-se fibrilação atrial.
Apenas 0,4% da população é arremetida por essa condição e a idade é fator determinante. A maioria das pessoas com essa patologia tem mais de 50 anos. Dentre as causas mais comuns estão: apneia do sono, pressão alta, problemas pulmonares, estresse, entre outras. O diagnóstico pode ser obtido através do histórico médico junto de exames físicos, eletro e ecocardiogramas também.